Monstros que não existem

capa_download_penitentes_monstros

R$10.00

REF: DW011. Categoria . Etiquetas: , .

Arquivo Digital  do “Monstros que não existem mas eu acredito”,  disco que explora o universo onírico das bestas, da mitologia sobre os monstros nacionais e universais, cada faixa é dedicada especificamente a um monstro, onde são descritos musicalmente através da mistura de varios estilos musicais, como o delta blues, garage rock, punk rock, post-punk e a música africana. “As músicas foram compostas todas a partir da viola caipira brasileira mas com apenas 5 cordas, a sonoridade e o campo harmonico surgiram dela”. A partir das bases as contribuições com outros instrumentos foram surgindo, como as linhas de teclados, onde um velho minami dos anos 80 contribuiu em grande parte das músicas para as melodias ficarem com tons de música de terror, algumas linhas de teclado e harmonia contaram com os arranjos de Maestro Alexandre, e a maioria das bases no contrabaixo pelo músico Marcus Gusso, ambos do grupo “Os Penitentes”, também foram utilizados instrumentos não convencionais como pedaços de lixo, latas de tinta, panelas, solos de serrote, apitos que imitam passarinhos e instrumentos de brinquedo. O Projeto gráfico foi elaborado por Klaus Koti onde possui a participação do artista gráfico e diretor de cinema Rodrigo Guinski nas ilustrações.

“Monstros que não existem mas eu acredito” é uma pequena visão sobre o universo dos monstros nacionais o internacionais que não tem precedentes, de uma maneira rock’n roll minimalista e independente ele é um registro trash singular da música feita no Brasil.

Para ouvi-lo, clique aqui.